Dia 08 de Outubro inaugura o Hospital de Amor

Senador Weverton, prefeito Assis e o presidente da Câmara Municipal, Alberto Sousa, realizam visita na etapa final da obra

No próximo dia 08 de outubro será inaugurado a unidade do Hospital de Amor (HA) de Imperatriz, referência nacional no tratamento oncológico e, nesta segunda-feira, 27, o senador Weverton Rocha (PDT), acompanhado da esposa Samya Bernardes, junto com o prefeito Assis Ramos (DEM) e do presidente da Câmara,  Alberto Sousa (PDT) realizou uma visita no local para acompanhar a etapa final da obra. A unidade irá atender o público feminino de toda a região Tocantina para tratamentos de prevenção ao câncer.
O senador Weverton, principal idealizador do feito, com destino de emendas para a realização do projeto, aproveitou a ocasião para divulgar as 43 vagas que estão sendo ofertadas no Banco de Talentos do hospital e que podem ser preenchidas pelos interessados por meio do cadastro disponibilizado no link: https://hospitaldeamor.gupy.io/ e que conta com todas as informações para a participação do processo seletivo curricular.
“ Todos nós estamos muito felizes com o avanço dessa importante obra para a saúde da região Tocantina e gostaria de pedir para a população, aos profissionais da cidade que tenham interesse em trabalhar no Hospital que façam o cadastramento no site, pois são diversas vagas como técnicos de enfermagem, enfermeiros, farmacêuticos, supervisor administrativo, ouvidoria, radiologia, enfim, 43 vagas que também estão no link das nossa redes sociais”, divulgou o senador que salientou a importância dos profissionais da região nesta unidade que tem como principal objetivo salvar vidas.
O prefeito Assis Ramos reforçou a importância do hospital na prevenção do diagnóstico para as mulheres, o que pode chegar a 95% de cura quando detectado precocemente e também explicou sobre as carretas que vão fazer a busca ativa na região.
“ A grande diferença deste hospital é a questão da prevenção. E não é só a estrutura física e dos profissionais que estarão aqui trabalhando, mas também teremos duas carretas que irão rodar a região atrás desse diagnóstico precoce. Estamos todos satisfeitos e ansiosos pelo dia 08 de outubro”, afirmou o prefeito que agradeceu ao senador por ter viabilizado a vinda dessa unidade do Hospital de Amor para a região.
Serão mais de 2 mil metros de construção com diversas salas de atendimento específico para o tratamento oncológico, além de consultórios de atendimento ginecológico e salas para a realização de exames, como mamografia, ultrassom entre outros.
“ Ver essa obra lava a alma da gente. Todos os poderes se uniram para tornar esse sonho realidade para a região. E essa união de forças faz com que nasça a esperança no coração de muitas pessoas que estão lá na ponta, porque o hospital é em Imperatriz, mas irá atender toda nossa macrorregião”, salientou o vereador Alberto Sousa (PDT) que também lembrou que a área ainda pode ser ampliada, aumentando os atendimentos de outras demandas da oncologia.
Segundo o senador Weverton, a inauguração prevista para o mês de conscientização do Câncer de Mama, o Outubro Rosa, irá contar com a participação do empresário Henrique Prata, presidente da Fundação PIO XII, mantenedora do HA. Participaram também da visita, representando os demais vereadores, o vereador Adhemar Freitas Junior (SDD)  e o ex-prefeito de Imperatriz, Ildon Marques, além do engenheiro responsável pela obra.

Hospital de Amor

O Hospital de Amor é o nome atual do conhecido Hospital de Câncer de Barretos, líder do ranking da Scimago Institutions Rankings (SIR), entre todos os centros de saúde da América Latina, ocupando o segundo lugar entre as instituições que realizam pesquisas na área da saúde.
A instituição foi escolhida, em 2000, pelo Ministério da Saúde, como o melhor hospital público do país. Desde 2011 é considerada “instituição irmã” do MD Anderson Cancer Center, o maior centro de tratamento e pesquisa de câncer do mundo.
No ano de 2020, o HA realizou 1.047.440 atendimentos realizados a 224.883 pacientes de 2.335 municípios de todos os estados do país – um recorde de cobertura. Foram realizadas 24.351 internações, 252.544 quimioterapias, 9.500 refeições servidas por dia, 100% de forma gratuita. A entidade reúne 380 médicos e 5.300 funcionários, em todas as suas unidades espalhadas pelo Brasil.
  • 27/09/2021 14:00:00
  • Karoline Tragante
  • Karoline Tragante