14/04/2014 20:24:38

Fidelis Uchoa participa de audiência pública sobre segurança em João Lisboa‏

O delegado regional Assis Ramos; os comandantes cel. Markus, do 3º BPM, e o major Ventura, do 14º BPM; o prefeito Jairo Madeira, vereadores e comunidade debateram o aumento da violência

. Foto:
Gil Carvalho João Lisboa – Em atendimento ao convite formulado pelo vice-presidente da Câmara Municipal de João Lisboa, Raimundo Soares Neto, o Nego da Edna, o vereador Fidelis Uchoa (PRB), que representou a Câmara Municipal de Imperatriz, participou na manhã dessa segunda-feira (14) da audiência pública que discutiu sobre o aumento da violência. Participaram ainda da audiência o delegado regional Assis Ramos, os comandantes cel. Markus, do 3º BPM, e o major Ventura, do 14º BPM, o prefeito Jairo Madeira; vereadores e a comunidade em geral. O vereador Fidelis Uchoa entende que “é preciso unir forças para desmantelar o crime organizado, reforçar o trabalho preventivo e contar com o apoio da população para em casos suspeitos ligar para polícia”. “Nós temos confiança na instituição (polícia) que conseguirá elucidar essa onda de explosões contra caixas eletrônicos e bancos em João Lisboa”, assinalou. Uchoa também enalteceu a iniciativa do comandante-geral da Polícia Militar do Maranhão, cel. Zanoni Porto, que implantará o corredor de segurança na rota de Imperatriz e Amarante do Maranhão. Na ocasião, o major Ventura considerou louvável a iniciativa que visa desarticular quadrilhas de assaltantes que nestes últimos 15 dias causaram alvoroço na cidade explodindo duas agências bancárias [Bradesco e Brasil] causando transtornos e prejuízos à população de João Lisboa. “Vamos aumentar o efetivo de policiais militares, de viaturas e a sede provisória do 14º BPM começa a funcionar na cidade de João Lisboa”, adiantou. O oficial revelou que o serviço de inteligência das policiais civil e militar obteve informações importantes sobre a quadrilha que explodiu os caixas eletrônicos em João Lisboa. “Nós temos conhecimento que essa mesma quadrilha se prepara para agir em outros municípios próximo a Imperatriz”, assinalou. A pronto-emprego, o major Ventura anunciou que o efetivo será dobrado, passando de quatro para dez militares em serviço, duas viaturas e ampliar barreiras da Polícia Militar. “Serão intensificadas abordagens na entrada e saída de João Lisboa”, garantiu. Ventura anuncia criação do disque -denúncia em João Lisboa O comandante do 14º BPM anunciou ainda que pretende agilizar o serviço de comunicação da Polícia Militar, instalando dois telefones celulares nas viaturas e criando na sede do batalhão o serviço Disque Denúncia. “Nós teremos telefones disponíveis nas viaturas e também na Companhia da Polícia Militar, em João Lisboa”, disse ele, que deverá divulgar ainda nessa semana os números dos celulares, oferecendo um pronto-atendimento à comunidade em caso de emergência.

Fonte: