Vereador Rildo Amaral é o novo vice-presidente da Câmara de Imperatriz‏


Post

Após o comunicado oficial do vereador Fábio Hernandez (PSC) de sua renúncia à vice-presidência da mesa Diretora da Câmara Municipal de Imperatriz, na sessão da ultima terça-feira (03), aconteceu ontem, concordância e posterior votação em torno do nome de Rildo Amaral (SDD), que foi eleito por unanimidade. 

            Hernandez é também advogado, quer dedicar mais tempo ao seu escritório de advocacia e a agenda de compromissos públicos com apoiadores e eleitores seus, atividade que praticamente suspendeu em razão dos compromissos internos e de trabalho que o cargo requer. 

            De início, quatro nomes pretendiam disputar o cargo: Rildo Amaral (SDD), Aurélio Gomes (PT), Paulinho Lobão (PDT) e João Silva (PRB), mas após discussões, os pretendentes, que não chegaram a registrar suas candidaturas, retiraram seus nomes e a casa entrou em consenso em torno do nome do vereador do Solidariedade.

            O rito da eleição foi simples: aberta a sessão, e com candidato único se seguiu a votação aberta e nominal. Rildo foi eleito por unanimidade. O presidente destacou a importância do cargo, ressaltando porém que não há remuneração extra para qualquer membro da Mesa Diretora. 

            O presidente José Carlos lembrou que se trata de um cargo importante e que a Câmara possui vinte colegas aptos para exercê-lo com competência e lisura, mas que a casa costuma também caminhar com unidade e com suas próprias pernas. “Desde janeiro vivemos batalhas duras, aqui e nos bastidores; e isso não mudou agora. A independência do parlamento só serve para mostrar a força que ela tem”.

            Segundo o presidente o parlamento irá viver momentos difíceis e talvez catastróficos: “É uma instituição de 90 anos, dos quais 30 eu vivi. 8 disputas onde 7 fui diplomado. Os espíritos e as consciências dos vereadores tem que estar preparados, pois a cidade está vendo o que está acontecendo e as investidas tem sido cada vez mais agressivas contra nós”, finalizou, parabenizando o novo vice-presidente da Câmara.