Câmara de vereadores aprovou mais de 425 indicações esse ano‏


Post

Imperatriz – Presidida pelo vereador José Carlos Soares Barros (PV), a Câmara Municipal de Imperatriz encerrou nessa terça-feira (15) com sessão solene os trabalhos da 17ª legislatura, inclusive com culto e missa em ação de graças.

O vice-prefeito de Imperatriz, Luiz Carlos Porto, prestigiou a cerimônia de encerramento das atividades do Poder Legislativo.

A vereadora Fátima Avelino (PMDB) utilizou a tribuna para avaliar o desempenho do legislativo que passou a contar com a transmissão “ao vivo” das sessões ordinárias pelas rádios comunitárias “Maranhão do Sul”, situada no grande Santa Rita, e a “Missão FM”, no Centro.

Também registrou a concessão de abono aos servidores da “Casa de Leis”, debates em audiência pública de temas fundamentais para cidade; doações de áreas para construções de equipamentos públicos e a aprovação de vários projetos de leis e indicações. “A comunidade hoje tem respeito por esse legislativo, pois são parlamentares que não se omitem em discutir a problema dos bairros de Imperatriz”, disse.

O vereador João Francisco Silva (PRB), líder do Governo na Câmara Municipal, citou que “nestes três últimos anos aprendeu muito, chegando a se apegar com os colegas, mesmo odiando alguns, porém acaba gostando das pessoas”. “Peço a Deus para que ilumine os eleitores imperatrizenses para que voltem os 21 vereadores dessa Casa de Leis”, comentou.

Ele classificou como histórico para o “Parlamento de Imperatriz” o desempenho do Poder Legislativo, sob a presidência do vereador José Carlos Soares Barros. “Foi criado nesse ano o regime jurídico único do município votado pelos vereadores desta Casa de Leis, deixando tudo dentro das normas e organizado”, cita.

Silva lembra ainda que no “apagar das luzes” foi aprovado a concessão de “auxílio alimentação” aos servidores do Poder Legislativo. “Sou servidor público há 36 anos, pois toda vez que pude ajudar, assim fiz”, frisou.

O vereador Weudson Feitosa dos Santos (PTdoB), o bispo Eudes, assinalou que, depois de muita luta, um poço artesiano foi perfurado e inaugurado no Parque Santa Lúcia. A expectativa é concluir a instalação da rede de distribuição de água levando-a ao Parque Airton Senna.

 “A palavra de Deus fala [livro de Salmos, capítulo 116 e versículo 12 –  o que darei eu ao Senhor pelos seus benefícios, devendo agradecer mostrando o espírito de gratidão diante do seu povo”, observa.

 

Balanço – O presidente José Carlos Soares divulgou o balanço da produção legislativa desse ano contabilizando a realização de 90 sessões ordinárias; 14 tribunas populares; 21 sessões de audiência pública; 52 projetos de leis [29 oriundos do Poder Legislativo] e pelo menos 426 indicações.

“Pela primeira vez na história deste Parlamento foram vetados dois projetos de leis do Poder Executivo, derrubando os vetos do prefeito Sebastião Madeira, aprovando outros dois vetos do prefeito”, comparou ele, ao lembrar que em outras ocasiões o legislativo nunca tinha derrubado vetos do chefe do Poder Executivo.

 

José Carlos enfatizou que “o Parlamento de Imperatriz representa o berço da democracia, pois a população começa a compreender a função do legislativo”. “Foi dessa Casa de Leis que surgiu a primeira legalização do serviço de mototáxi do Maranhão, inclusive com batalha judicial com ganho de causa ao legislativo”, finalizou.