Vereadores aprovam novo presidente da Fundação Cultural e pedem aluguel social para quem teve casa interditada na Beira Rio‏


Post

Data: 16/04/2020 | Fonte: Sidney Rodrigues - ASSIMP | Fotografo: Fábio Barbosa

Na manhã da última terça (14), em sessão virtual, foi realizada a sabatina e posse do indicado a novo presidente da FCI, ex-delegado José Ribeiro que também era diretor da Guarda Municipal, em função da saída do presidente Buzuca, que pediu exoneração para concorrer ao cargo de vereador nas próximas eleições. Ribeiro foi aprovado por unanimidade, assume a FCI e na Guarda entra Josenildo Ferreira.

Ricardo Seidel (PSD) fez indicação ao prefeito Assis Ramos e à secretária de Desenvolvimento Social, Janaína Ramos, para que as famílias da Beira Rio, vítimas de desabamento de casas sejam incluídas no programa do aluguel social, como também no programa dos conjuntos habitacionais do Município. Foi subscrita por todos os vereadores.

Adhemar Freitas Jr (Solidariedade) apresentou indicação para que seja estabelecido o uso obrigatório de máscaras de proteção respiratória para todas as pessoas que circulam nos espaços públicos (servidores, funcionários e trabalhadores do comércio), enquanto durar a pandemia, para que seja flexibilizada a abertura do comércio, nos moldes da cidade de Araguaína-TO. O vereador se diz muito preocupado com a doença, mas que também existe o outro lado da economia, do trabalho e do sustento das pessoas.

Foi ainda discutido o Projeto de Lei Ordinária nº 06/2020, de autoria do vereador Fabio Hernandez, que dispõe sobre a realização do teste de Triagem Neonatal, de forma precoce e ampliada, em Espectromia de Massa em Tandem (EMT), em crianças nascidas nos hospitais e demais estabelecimentos da rede pública de Imperatriz, para que haja diagnostico prévio e os pais possam buscar auxílio médico e tratamento em tempo hábil.

Todas as matérias foram aprovadas.