CPI DA SAÚDE: Vereador Aurélio quer auxílio da PF nas investigações‏


Post

Data: 26/06/2019 | Fonte: Carlos Gaby - ASSIMP | Fotografo: divulgação

O vereador Aurélio Gomes (PT) protocolou requerimento junto à presidência da Comissão Especial de Inquérito (CEI), a chamada CPI da Saúde, o auxílio da Polícia Federal e do Serviço de Inteligência da Polícia Militar do Maranhão nas investigações a serem conduzidas pela comissão.

            “Com o apoio e auxílio da PF e do Serviço de Inteligência da PM, podemos conduzir as investigações com mais rigor técnico. Não temos estrutura, equipamentos e experiência para uma investigação minuciosa. E precisamos fazer um trabalho técnico. Uma parceria com a Polícia Federal nos dá capacidade técnica de organização e procedimentos para conduzir as investigações”, justificou o vereador.

A CPI da Saúde investiga supostas irregularidades no contrato de prestação de serviço para manutenção preventiva e corretiva de equipamentos e instrumentos cirúrgicos entre a Secretaria Municipal de Saúde (Semus) e a empresa Catho.

 

Outros requerimentos

            O vereador também protocolou ofícios solicitando que a presidência da comissão requeira cópias dos contratos entre a empresa e a Semus; planilha de todos os serviços de manutenção e reparos executados pela Catho; relação dos equipamentos e instrumentos hospitalares substituídos à base de troca e as notas fiscais referentes a aquisição de produtos; e cópia de contratos da Semus com as empresas Instituto de Otorrino, Ceanest Central de Anestesia, Clínica Cirúrgica de Imperatriz e Hidrozon Comércio e Serviços.

            O vereador Ricardo Seidel (Rede) protocolou requerimento solicitando à presidência que oficie à Semus relação dos serviços  prestados pela Catho.

            Sargento Adelino (Solidariedade) solicitou a relação nominal dos equipamentos do Socorrão com respectivas notas ficais e o tombamento; e também a relação dos serviços de manutenção de equipamentos médicos e odontológicos com as respectivas ordens de serviço.