Projeto mantido pelo vereador Aurélio atende mais de cem pessoas‏


Post
Inicialmente voltado para o estímulo à prática de exercícios físicos na melhor idade (acima de 50 anos), o projeto social “Viver Melhor” já atende mais de 180 pessoas. Com a grande procura, foi aberta uma turma extra voltada para pessoas abaixo da faixa etária, com exercícios diferenciados. Todas recebem auxílio profissional três vezes por semana no pátio da Paróquia Menino Jesus, sem pagamento de mensalidade. Além do instrutor físico, as turmas contam com o auxílio de uma farmacêutica que, periodicamente, faz o acompanhamento da saúde dos idosos, aferindo a pressão arterial e conversando individualmente para tirar dúvidas e fornecer dicas que melhorem o dia a dia dos participantes. Muitos idosos que chegaram ao ‘Viver Melhor’ nunca tinham praticado exercícios por dificuldades locomotivas e apresentavam pressão alta, taxas de colesterol irregulares, além de problemas de circulação. Oito meses depois, os próprios alunos pedem novos exercícios e encerram as aulas com danças e brincadeiras. De acordo com o vereador Aurélio, que idealizou e mantém o projeto, além de propiciar benefícios ligados à saúde e alto estima, a intenção também é alertar para a falta de investimento público voltado para a saúde e lazer de jovens e idosos, garantindo que aparelhos para exercícios devem ser instalados em locais públicos dos bairros de Imperatriz. “A casa do idoso tem muitas atividades interessantes e isso precisa ser reconhecido, mas algo simples e que mudaria o cotidiano das pessoas seria a implantação de aparelhos para exercícios espalhados pela cidade e nós vamos lutar por isso”, explica o vereador responsável pelo projeto. Mariana Castro / Ascom